Techonlogy

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Como superar o fim de um namoro

_ Nunca mais quero te ver !
_ Eu também não !

E foi assim que acabou algo que antes parecia ser bom. 

O fim de um relacionamento costuma ser traumático. O que antes eram sorrisos, agora são lágrimas, antes eram elogios, agora são xingamentos.
Calma! Não se desespere.
“_ Ahh é fácil pra você falar! Você é casado, e está bem!”
Eu sei que pra quem não está  passando por essa situação, é confortável falar. Mas, se você está lendo esse texto, é por que está buscando ajuda, e achou que esse site poderia te ajudar. Entenda uma coisa, você viveu algum tempo da sua vida sem essa tal pessoa, ou pelo menos, sem ser namorado (a) dessa pessoa, certo? Então, como você pode achar que sua vida acabou, se um namoro, que provavelmente não ia chegar a lugar algum acabou. Não acabou.
Você viveu muito tempo sem ele (a) então poderá continuar vivendo tranquilamente.
Não deposite sua vida em um relacionamento. Deus sabe o que é melhor pra você.
Namoro não é tudo na vida. Existe Deus, seus sonhos, planos, sua família e amigos. Chore, sim. É até bom chorar para desabafar. Mas, não pra sempre.

"Chorar ajuda por um tempo, mas depois é preciso para de chorar e tomar uma decisão"... As Crônicas de Nárnia

1 – Se aproxime de Deus
Deus é te conhece melhor do que qualquer outra pessoa. Ele te ama mais do que qualquer outro. Então, se aproxime Dele com todas as suas forças. Ore muito. Leia a bíblia e medite.

2 – Não sinta pena de você mesmo
Normalmente quando isso acontece, a pessoa se sente um nada, não é mesmo? Não sinta assim. Deus te criou. Não deixe com que um menino, ou uma menina, que não te ama, faça você se sentir um lixo.

3-  Não olhe para a outra pessoa como se fosse um “deus”.
Não idolatre a outra pessoa. Eu vejo pessoas que quando são abandonas, e no momento de desespero até se ajoelham implorando para não ser deixada. Não faça isso.

4 – Converse sobre isso com pessoas que te amam de verdade
Conversar com seus pais, seu líder da igreja, seus amigos de verdade ajuda muito. Desabafe, ouça conselhos de pessoas justas.

5 – Não converse mais sobre isso.
Conversar é bom, mas chega um momento que você precisa para de falar sobre. Se alguém perguntar muda de assunto, e “bola pra frente”.

6 – Continue com Deus
Quando tudo estiver bem, não pare de se aproximar de Deus, pois você não pode continuar com os mesmos erros de antes.

Lembre-se do seu Criador nos dias da sua juventude, antes que venham os dias difíceis e antes que se aproximem os anos em que você dirá: "Não tenho satisfação neles";



Namore com um propósito. Todo relacionamento precisa ser abençoado por Deus.

Listei dicas bem simples, e poderia ter falado muito mais aqui, porém esse não era o objetivo. Espero que tenha ajudado de alguma forma. Se precisar de mais algum conselho ou não entendeu algum ponto, entre em contato. Deixe também sugestões de outros temas que poderemos estar abordando aqui.


Por Nicolas C. Sales
Compartilhe 

Nenhum comentário:

Postar um comentário