Techonlogy

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Como ler a Bíblia? 9 passos interessantes para uma boa leitura Bíblica - Por Nicolas C. Sales

Como ler a Bíblia? 9 passos interessantes para uma boa leitura Bíblica. 
Quer ler a Bíblia, mas não sabe como começar? É difícil? Apresento aqui 9 DICAS interessantes para te ajudar na compreensão da Bíblia (Conheça também sobre a história da Bíblia) 

1 – Ore

A oração te leva a iluminação Bíblica, para que O Autor Bíblico (Espírito Santo) te mostre o que o texto quer dizer, no seu sentido  mais amplo e puro. Ore antes de começar qualquer estudo. Retire seu “ego”, e seus pressupostos, e busque a orientação de Deus. Se você buscar ler um texto cheio de “conhecimentos humanos”, provavelmente a arrogância não permitirá enxergar o que Deus quer te dizer. Então, ore pedindo que Deus fale, e que o seu “eu” fique caladinho.

2 – Entenda que a Bíblia faz parte de contextos históricos

Cada livro da Bíblia foi escrito em uma época diferente, um contexto social, histórico e cultural diferente. Isso precisa ser levado em consideração quando se está estudando um determinado livro. É necessário saber, por exemplo, se foi escrito antes, ou durante o exílio. Qual império dominava, em qual cidade.  Existem textos na Bíblia que foram direcionados para uma determinada situação, na época em que foram escritos, e que se isso não for levado em consideração pode gerar uma heresia.

3 – A Bíblia explica a própria Bíblia

Nunca análise um texto isoladamente. Observe o que os outros versículos em outros livros dizem sobre o texto que você está estudando. Por exemplo, se você está estudando sobre a vida Eterna, ou a salvação, observe outros versículos que falem sobre esse mesmo tema.



4 – A divisão da Bíblia em versículos e capítulos só surgiu depois.

Os escritores bíblicos, Moisés, João, Lucas, etc. Originalmente escreveram a Bíblia como um todo, sem divisões. Os capítulos e versículos começaram a ser inseridos para fins didáticos a partir do século IX pelos massoretas (Leia mais sobre isso). Então, não estude um versículo sem a continuidade dele.

5 – Cada livro possui um gênero textual próprio.

Entenda os diferentes gêneros textuais na Bíblia, e o que o autor pretendia. Por exemplo, existem os livros poéticos como o Salmos - que eram músicas que eram cantadas na época pelo povo judeu – As cartas de Paulo, as leis, os históricos etc.

6 – Respeite a pontuação.

Respeite os pontos e as vírgulas, a má interpretação desses pequenos sinais pode prejudicar toda a interpretação do texto. 
Exemplo,     a) “Não vá!” (Você está mandando a pessoa não ir).
                   b) “Não, Vá!” (Você está mandando a pessoa ir com muita pressa) Existem diversos outros exemplos para o bom uso da vírgula.

7 – Entenda o conceito da palavra chave.

Cada versículo possui uma palavra chave, ou palavras chaves. Descubra e entenda perfeitamente o significado dela, se puder observar a etimologia (estudo da origem das palavras) melhor ainda. Por exemplo, “...Deus amou o mundo... João 3.16” Entenda o sentido da palavra mundo, seu significado no texto, no original, e em que sentido ele foi utilizado em outros textos.

8 – Utilize diferentes versões.

Ouço pessoas dizendo que não leem a Bíblia por não entender. Mas, talvez, estejam usando versões em que apresentam uma linguagem muito antiga. Hoje em dia existem ótimas versões Bíblicas, mas não fique preso a apenas uma versão, compare os versículos que você está estudando com outras. Exemplo, Revista e Corrigida, Atualizada, Viva, NVI, NTLH, A Mensagem etc.

9 – Medite

Meditar é refletir, pensar no que você estudou e como a mensagem pode ser vivida na prática diária. Também, é necessário compartilhar com outros sobre o que você está meditando. É trazer para a mente, para a memória aquele conhecimento. Então, a melhor maneira de fazer isso é compartilhar, quando você ensina, você absorve ainda mais. “Medite de dia e de noite...” Salmos 1.1.

“Escondi a tua Palavra no meu coração para eu não pecar contra Ti” Salmos 119.11

Por Nicolas C. Sales CONHEÇA O CANAL CLIQUE AQUI


Nenhum comentário:

Postar um comentário