Techonlogy

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Estudo para pequeno grupo ESTAMOS EM GUERRA - Nicolas C. Sales

ESTAMOS EM GUERRA

“Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais”. 
Efésios 6.12
Aquecimento:
1 – O que você sabe sobre guerras?
2 – Como deve ser o comportamento de um soldado?
3 – O que o soldado deve fazer para entrar em guerra?

Você pode pensar que esse encontro não tem nada a ver com o título do livro. O que tem a ver falar de guerra, com vida com Deus? Tudo. Viver a vida plena que Jesus nos deu implica em ser perseguido, e lutar contra inimigos. Existem seres que não querem que desfrutemos a vida abundante que Jesus nos dá. Existe um ser que só quer destruir a comunidade de Deus. Tentar acabar com seus filhos. Então tenho que te falar, estamos em guerra. E precisamos saber contra quem lutamos e como vamos lutar.
Primeiro de tudo é preciso entender, e reconhecer quem é o nosso inimigo. Existem muitos cristãos que pensam que lutamos contra as pessoas. Dizem assim, “como eu odeio fulano por ter feito isso comigo”. Mas, filho de Deus não odeia ninguém, nem mesmo seus inimigos, aqueles que nos perseguem (Leia Romanos 12. 20-21). Como pode dizer que ama a Deus e odiar seu irmão (I João 4.20). Então se não lutamos com pessoas que vemos, lutamos contra quem? A nossa guerra é contra os seres espirituais da maldade que atuam nos lugares celestiais. A vida cristã não se trata de um jogo com amigos no fim de semana, não é uma “birrinha”, com amigos que “ficaram de mal”. Mas vivemos uma guerra constante com o diabo e seus demônios. Eles tentando destruir a igreja do Senhor. O diabo tenta o tempo inteiro nos destruir, “Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar;” (1 Pedro 5.8). E a igreja de Cristo por sua vez tentando sempre tirar as pessoas das trevas e trazendo para a luz (I Pedro 2.9). Você acha que o diabo fica feliz, quando você ora, prega o evangelho verdadeiro, jejua, louva a Deus em qualquer situação? Óbvio que não. E por isso ele e sua turma do mal vão tentar fazer de tudo para acabar com você. Ame a Deus, e odeie o mal. Esteja atento, não durma, pois estamos em guerra.
Mas como vamos lutar contra um inimigo que não vemos? Ora, é só usarmos armas e meios com os quais não vemos. Paulo vai falar em Efésios para usarmos as armaduras de Deus. Um soldado comum usar armas comuns. Um soldado de Deus usa armas de Deus. Conheça as armas. Siga as instruções do General, e vença a guerra. É muito simples. O importante é reconhecer, e estar sensível a essa batalha. O problema é que a igreja não tem dado muita atenção a esse fato. Você querendo ou não, saiba de uma coisa, estamos em guerra sim. E é preciso estar perto de Deus, estar sensível ao mundo espiritual para podermos vencer essa batalha. Paulo vai falar que as ciladas que o diabo usa são astutas. Então meu amigo, acorde, porque se você sair no campo de batalhas igual a um sonâmbulo certamente você cairá. Por isso é que foi dito: "Desperta, ó tu que dormes, levanta-te dentre os mortos e Cristo resplandecerá sobre ti".
Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios”. (Efésios 5.14-15).
Seja sábio, seja habilidoso. Amigo, estamos em guerra!

PERGUNTAS PARA DEBATE:

1 – Se pudéssemos ter um resultado parcial dessa guerra, em sua opinião que estaria vencendo?
2 – Existem cristãos que não acreditam nessa guerra?
3 – Como você deve viver tendo em mente, que estamos em guerra?

PARA PENSAR

”A única atitude possível contra o desejo fora do controle é uma declaração total de GUERRA. Eu ouço muitos cristãos murmurando sobre suas imperfeições, suas falhas, seus vícios e seus defeitos. E eu vejo tão pouca guerra. Faça guerra. Se você quer saber como guerrear recorra ao manual [bíblia].”
John Piper


 Esse estudo faz parte do meu livro de estudos para pequenos grupos Vivendo Com Deus 
Se quiser eu disponibilizo por e-mail. Deixe seu e-mail nos comentário. 

Por
Nicolas C. Sales

Nenhum comentário:

Postar um comentário