Techonlogy

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Paixão X Amor - O que estou realmente sentindo?

O que estou realmente sentindo?




Paixão
Pode surgir de repente, como um raio que corta o céu.
Amor
Cresce devagar, como se fosse uma árvore.
Paixão
Acontece porque você achou a outra pessoa o máximo, sem ter a mínima ideia de suas virtudes e falhas.
Amor
Continua crescendo mesmo depois de perceber que a outra dá suas mancadas.
Paixão
Vê a outra pessoa como meio de conseguir alguma coisa: segurança, sexo ou carinho.
Amor
Está interessado no bem-estar e felicidade da outra pessoa.
Paixão
Alguém pode estar apaixonado por duas ou três pessoas ao mesmo tempo.
Amor
O amor se dedica exclusivamente a uma pessoa.
Paixão
Uma pessoa apaixonada “vive nas nuvens” sonhando, fora de órbita e da realidade.
Amor
O amor sonha, mas sem exagero. Ele sabe equilibrar os sonhos com a realidade.
Paixão
Para o apaixonado o visual de outra pessoa e fundamental.
Amor
Para quem ama, o relacionamento total é mais importante que a atração física.
Paixão
Gosta de estar com a outra pessoa pela excitação sexual que a outra pessoa provoca.
Amor
Gosta de estar com a outra pessoa por amizade, companheirismo, carinho.
Paixão
Uma pessoa apaixonada usa “máscaras” para estar sempre agradando e não decepcionar o outro. 
Amor
O amor é o que é. Já que quer viver ao lado do outra pessoa, não tem medo de mostrar suas falhas e virtudes.
Paixão
A atração é mais física do que emocional e intelectual.
Amor
Há muita afinidade. Interesses, alvos. Valores. Atividades em comum.
Paixão
Seus pais acham que devem “ir mais devagar” ou até que devem “dar um tempo”.
Amor
Seus pais gostam da outra pessoa e incentivam a conhecê-lo melhor.
Retirado na revista Sexualidade: uma benção a ser valorizada da Editora Cristã Evangélica.
Compartilhe 

Assista 



Nenhum comentário:

Postar um comentário